Sebrae participou do 4º Congresso Pernambucano de Municípios

Com o objetivo de reforçar a importância do empreendedorismo para o melhor desenvolvimento das cidades, o Sebrae em Pernambuco esteve presente no 4º Congresso Pernambucano de Municípios. Realizado pela Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), o evento deste ano teve como tema “A Cidade Que Precisamos” e aconteceu entre os dias 25, 26 e 27 de julho no Centro de Convenções, em Olinda.

A novidade apresentada este ano pelo Sebrae no congresso foi a Sala do Empreendedor Modelo, espaço de 24m² criado para ser implementado pelas prefeituras como ponto de apoio para empreendedores dos municípios. “É uma sala com múltiplas funções. Vai servir para discussão de políticas públicas, negociação de crédito e melhorias de maneira geral. É importante dar esse tipo de suporte aos micro e pequenos empreendedores pois gera mais emprego e renda para os municípios”, afirma Fernando Clímaco, gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae em Pernambuco.

As prefeituras que já tenham projetos semelhantes em prática vão encontrar na Sala do Empreendedor Modelo opções sobre como melhorar os serviços oferecidos. O espaço, voltado para micro e pequenos empresários, funciona também para auxiliar na formalização de empreendedores, na alteração de regime de operações e na finalização de empresas. Cerca de 70 municípios pernambucanos possuem salas desse tipo, número que deve aumentar até o final do ano.

A participação do Sebrae no congresso envolveu a Arena Sebrae, espaço voltado para a realização de palestras onde foram abordados temas como licenciamentos, integração com a Rede Nacional para Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), O destaque da programação foi marcado pela presença de Águeda Muniz, secretária de Urbanismo e Meio Ambiente de Fortaleza, que falou sobre as ações de desburocratização realizadas em sua secretaria em parceria com o Sebrae.

Compartilhe: